Poesia para entender a vida

10437344_692712287491190_9175763390707554537_n

No último sábado, estive na entrega do prêmio de um concurso de poesias promovido pela Academia Vicentina de Letras, Artes e Ofícios Frei Gaspar da Madre de Deus, na cidade de São Vicente, litoral de São Paulo. Minha mãe é a atual presidente. Eu, que gosto de escrever mas não sei escrever poesia, achei que seria interessante conferir o que pessoas com esse talento trariam de novo. Gostei de todas, tanto dos ganhadores da categoria adulto quanto dos que venceram na categoria juvenil. É sempre agradável para a mente, a alma e o coração ouvir palavras bonitas e inteligentes serem declamadas.

Mas uma das poesias, especificamente, me chamou a atenção. Primeiro, quando o rapaz alto e magro, que havia se posicionado em frente ao microfone, logo avisou aos presentes: “Me desculpem, estou um pouco nervoso”, o que tirou da plateia risos de simpatia, afeto e solidariedade. Então, Marcio, 16 anos, impostou a voz para levar ao público as linhas escritas por ele mesmo. Parei imediatamente de responder uma mensagem de trabalho que acabara de chegar no meu smartphone.

A sensibilidade e a profundidade das palavras ditas pelo menino me impressionaram. E me alegraram. Bom saber que em tempos de perda de grandes escritores – João Ubaldo Ribeiro, Ariano Suassuna e Rubem Alves, por exemplo e de uma vez – tem gente boa por aí, em cada canto desse país, produzindo arte com beleza e delicadeza. Bom saber que nossa literatura pode ser renovada com qualidade.

Abaixo, a poesia do jovem Márcio, dono de um futuro especial entre as letras, se assim ele desejar. Que seja inspiração para muitos outros criarem. Para quem apenas aprecia, que a poesia ajude a entender a vida…

*********

ETERNO ENIGMA
Por Márcio Martins

De amplos climas e memorosas eras
Compõe-se esse prolongado mistério.
Com bondosos rios e suntuosas serras
Faz-se pátria sublime o antigo império.

Mas como pode florescer ar sério
Em onde revoltas estão as terras,
Se mesmo com o alvo bálsamo etéreo
Ainda nos perdemos nas mesmas guerras?

Brasil, charada proposta ao destino,
Que mesmo faltando-nos a mudança
Precisa e sobrando-se o doce mito,

Ainda mantém seu plano cristalino
A sobreviver guardando a esperança,
Desse esperar que contém o infinito!

Crédito da imagem: Photography

Anúncios

2 respostas em “Poesia para entender a vida

  1. Que linda poesia! Obrigada por tornar público essa beleza! E que o menino poeta Márcio Martins não se perca no caminho da vida e siga transformando ideias em frases e poemas. E que sirva de inspiração para outros que gostam tanto das palavras, mas nem sempre tem oportunidade de juntá-las. Se posso ousar. Tenho encontrado muita poesia no rap e aqui em Praia Grande temos bons MCs poetas. Quando puder, vou compartilhar algum material com você. Abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s