Ciclos

10553601_1153876741303344_6877206682522837477_n

Folhinhas secas, meio douradas até, caindo das árvores, espalhadas pelo chão. A gente sabe que o outono chegou quando vê essa transformação. Sempre gostei dele, o outono, dono dos meses que mais me parecem os de transição realmente. A estação que mais me lembra o significado dos ciclos. Que mais remete ao nascer, ao morrer, ao renascer e recomeçar.

Dizem que a morte é a única certeza da vida. Eu acredito que outra certeza é a impermanência das coisas, sem dúvida. Estamos sempre em movimento, traçando planos, sonhos, nos dedicando a melhorar. Estamos continuamente lidando com as mudanças.

São os ciclos.

Passamos por experiências, aprendizados, frustrações. Temos que lutar, mas sabendo a hora de desistir. Temos que acreditar, sem deixar de perceber quando a vida mostra que é hora de buscar outros caminhos.

É importante que nos nossos processos de renascimento não deixemos de colocar na balança nossas atitudes, sentimentos, posturas, crenças, erros. Porque sem avaliações profundas e sinceras de quem somos e como nos apresentamos ao mundo, de como convivemos com as pessoas, especialmente as que amamos e que nos amam, há o perigo da estagnação. De passarmos nossa tão breve existência cometendo as mesmas falhas. Aí, é ciclo, mas vicioso.

E as transformações por vezes anunciam, ainda, o adeus a gente que foi essencial nos nossos dias. Dói, eu sei… Mas faz parte. Alguns se vão sem nunca mais voltar. Há casos em que a interrupção é breve para repensar. Há amores que viram grandes amizades. Há amizades que se tornam grandes amores. Existem ex-amores e ex-amigos que passamos a enxergar com indiferença. Existem histórias especiais que serão sempre guardadas com carinho e emoção.

Independentemente da situação, feche os olhos e agradeça, com todo o coração, tudo e todos que ensinaram algo a você. Que foram importantes. Guarde as alegrias. Perdoe as tristezas. Siga leve, como são as folhas secas do outono levadas pelo vento. São os ciclos. E não esqueça que fins, sejam lá quais forem, são recomeços.

Crédito da imagem: Hierophant

Anúncios

2 respostas em “Ciclos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s